Aniversariantes

Últimas Notícias

15/03/2013
Os 5 tipos de pessoas - Qual você é? [+]

14/07/2012
Viajem a Jerusalem [+]

14/07/2012
Mais lideres preparados para trabalharem na obra do Senhor Jesus [+]

14/07/2012
Igreja Vida Plena com visual novo [+]

ver todas

Newsletter
Cadastre-se e receba nossos informativos
Seu nome:
Seu email:
Enquete






Ver Resultado da Enquete

O INICIO

A igreja assembléia de Deus central de serra dourada II teve seu inicio em 1990.
Existiam aqui em Serra Dourada diversas igrejas. Um grupo de irmãos sentiu que precisava de algo mais de Cristo e buscavam um pastoreio diferente.

O nosso Evangelista Domingos Alves cresceu muito na presença de Deus, e já fazia diversas campanhas, como profissional era gerente de empresa, secretário da Cadeeso. E sonhava também em ser Pastor de uma igreja.

Bom ele (Domingos) sonhou com uma mata, depois a mata se transformou numa plantação e nesta plantação, viçosa farta e promissora, havia algumas variedades de plantas. Lá tinha mandioca, milho e feijão. Raízes fortes, frutos multiplicadores e a sustança do feijão, o ferro e as proteínas que um corpo precisa. Então a nasceu a nossa igreja, depois de idas e vindas começamos. Aleluia!!!

Quando começamos estávamos situado onde é hoje o Material de construção Chico Borges. Duas portinhas, igreja pequena, uma caixa de som somente. Tínhamos a família dos marrons que sempre estava lá com o seu louvor, o conjunto apocalipse. Igreja a moda tradicional com usos e costumes conforme muitas assembléias de Deus têm hoje. Havia em nossa igreja não somente o circulo de oração das irmãs, mas havia também o circulo de oração das crianças e dos jovens e as irmãs coluna de oração. Havia pessoas muito importantes. Então surgiu, muito mais que uma mera igreja, muito mais que quatro paredes. Surgimos para cumprir a ordenança do Senhor em fazer discípulos, fazer com que estes discípulos reproduzam e assim todos nos encontrarmos na nova Jerusalém.

CONSTRUÇÃO

Ai veio à construção do templo, mutirões, aterros, este templo no inicio teve que ser quase todo aterrado, o fundo da igreja era um buraco e não poderia continuar. Pessoas dedicando tempo, doando materiais, doando valores.

Mulheres, homens, todos aqui no trabalho, não olhando ou pensando no corpo como ficaria no outro dia, pensando sim em fazer o melhor para Deus. Todos felizes.

E a igreja foi crescendo, foi virando um templo. Esta igreja ainda vai ser uma faculdade, ainda vamos ter uma nave central para 1500 pessoas. Mas isto vai acontecer se até lá o Senhor não voltar.

A INAUGURAÇÃO DO TEMPLO

Em 1993, neste dia houve o celebre desfile... Muitos aqui não conseguem imaginar a cena do nosso Pastor com todos os membros. Carregando os bancos, depois com fitinha na porta e abrindo para cultuarmos ao Senhor. Diversas personalidades no seguimento evangélico, inclusive o primeiro discipulador do nosso Pastor Domingos, Pastor Roque.

Uma festa. Saímos em direção ao local que o Senhor nos havia entregado. Para Abraão o Senhor deu uma terra que manava leite e mel e Ele teve que lutar, junto com sua descendência para conquistá-la. Para nós Ele nos deu por herança a grande civit e temos lutado pra esta conquistá-la.

CONSAGRAÇÃO DE OBREIROS

 

Muitos homens bons passaram por esta igreja. Uns estão desde o inicio conosco, outros o Senhor os designou para outra frente de batalha. Mas temos a certeza que todos que por aqui passaram contribuíram em algo para o crescimento e edificação, quer seja da igreja, quer seja do nosso caráter, quer seja do nosso modo de ver e ate mesmo como preceder.

Homens que vieram com suas famílias e com muita dedicação estiveram ao lado do nosso Pastor. Outros que vierem quebradinhos e o Senhor aqui os restaurou, aprumou e os deixou prontos para a batalha.

BATISMOS

Muitos foram tirados das garras do inimigo e decidiram mudar suas vidas. Trabalho de muitas pessoas, acompanhamento de muitos pais espirituais, muitas idas e vindas, mas temos aqui alguns que venceram. Podemos citar: Sheman, Mauricio, Rones, Mislaine, etc. Temos pessoas aqui que perseveraram, que bravamente estão aqui até hoje, pessoas que viram muitas mudanças e participaram efetivamente delas.

Os batismos eram verdadeiras festas. Uma festa que não pode morrer e nem pode ser esquecida. Nossa igreja passou a ser uma espécie de UTI da cura, todas as segundas-feiras estavam aberta as portas para aquelas pessoas que buscavam a cura.

GRUPOS FAMILIARES

A visão foi aprimorando, e tentando irmos nesta amplitude, vimos a igreja não são somente em 4 paredes, ela vai alem disto.  Muitas vezes reduzimos a obra de Deus a uma visão fechada e não é isto que o Senhor quer para nós. A final atos 2:46 “E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração”.

Então esta palavra entrou no coração de muitos como um raio e nos colocou sedentos desta comunhão também. E a mudança começou em nosso meio. Surgiram os Grupos familiares. Entramos com força no material disponibilizado pela Sepal – Discipulado – modulo do caráter, comunhão, oração, vida simples e outros. Muito bom, nos deu a visão de grupos e a necessidade de tratamentos específicos. A final, por muitas vezes e diversas pessoas ouvimos falar, por pessoas de lugares diferentes, que esta igreja era a UTI deste lugar.

Existiam grupos familiares que eram verdadeiras congregações. E não podemos deixar de citar um nome aqui que foi na época exemplo de grupo familiar. Do grupo dela vários se reproduziram. Muitas pessoas que estão aqui hoje nasceram de grupos familiares, muitos fora erguidos ali. E o nome que não posso deixar de citar é o da Irmã Cida Reis. Muitos adolescentes e irmãos entraram aqui, através do carisma e do cuidado desta mulher e daqueles que estavam ao lado dela para trabalhar.

CORAL / CONJUNTO SHEKINAH

Existem alguns marcos que valem a pena lembrar. Um deles foi o coral, regido pelo Irmão ­­­­­­­­­­­Isaias. Tem uma irmã que amava cantar. Estou falando da Irmã Creuza. Ela montou um conjunto que na época o nome dava uma polêmica, como se escrevia shekinah. Os aniversários deste conjunto eram verdadeiras festas. Coreografia, uniformes, entrada de bandeiras, e hinos de louvor ao Senhor de uma unção maravilhosa.

JOVENS E ADOLESCENTES

O conjunto de jovens ocupava os bancos antigos, seis deles e ainda faltava lugar, com todo mundo esprimidinho. A frente desde conjunto de jovens existia a irmã , o hino que podemos falar que era o marco desde conjunto era o Jerusalém. Houve uma época aqui de termos mais de 80 adolescentes e jovens nesta igreja. A sala dos jovens não comportava o tanto que tinha. Existiam umas peças difíceis, topetudas, mas hoje são missionários, mulheres casadas, mães e pais.

Muitos retiros foram feitos, viagens e muitas provas. Retiros de estudo, peças de teatro, viagens ... Se fosse contar tudo que estes meninos aprontavam, só a graça e misericórdia de Deus. 

MISSIONÁRIOS

Uns tiveram praticamente que ir para longe na marra, para ver se viravam cristãos de verdade. Mas temos os missionários que saíram daqui. A irmã Miriam com o seu trabalho com crianças. A irmã Branca e o irmão Rodrigo com missões urbanas em São Paulo, O irmão Juliano agora em outro pastoreio. Existem os que tem o sonho e estão aqui dentro ainda, mas que no tempo certo o Senhor os levará para a missão.

EVENTOS – MEMBROS E SAUDADES

Nossa igreja queria que as pessoas fossem saudáveis assim como o Senhor nos quer. Tínhamos que estudar muito. E a nossa equipe de cura era uma benção. Em sua maioria eram mulheres ao lado do Pastor e eles pegaram esta empreitada com determinação. Mas a visão ainda estava pastrocentrica. Tudo era o pastor, o Pastor deveria resolver tudo. Ficava ele aqui depois dos cultos até as 2 horas da manhã cuidando de gente. Vinha para Serra Dourada e catava o pessoal no laço. Tinham clinicas de aconselhamento que duravam até 6 horas, mas temos bons frutos disto. Ate pastores saíram destas clinicas. Casamentos foram restaurados e vidas também. Mas não poderíamos continuar na visão centrada.

Surgiu então a REDE PASTORAL LEIGA. Fomos a São Paulo, pegamos à base e trouxemos o Pastor Odinal aqui para passar para a liderança da igreja. Custou muito, mas finalmente ele conseguiu finalmente constituir a sua equipe pastoral, ou seja, pessoas ao seu lado tomando decisões e o auxiliando na manutenção da igreja como um todo. Surgiu uma equipe de libertação. Eles atacaram com muita forca. Vinha gente te tudo quanto era jeito aqui para dentro. Teve uma fase que aqui parecia mais delegacia que igreja, os ladrões de Serra Dourada tudo estavam aceitando Jesus e vinham para nossa igreja.

A igreja ficou conhecida também como uma igreja festiva, quer festas na igreja, ou nas casas dos irmãos. A final de conta temos um Pastor que sempre gostou de cruzadas e campanhas, que a enchia a praça ao lado. Tivemos as cruzadas chamadas “Explosão de milagres”. Pregadores de fora, pessoas conhecidas como Jessy Valadão, o conjunto altos louvores (que estavam no auge), a cantora Lauriete esteve aqui um monte de vezes, o próprio Magno Malta, hoje Senador do Brasil, Pastores de diversos estados, o David kornfield, (a sumidade da sepal). Eram eventos esperados por todos.

O Irmão Pererinha e sua guitarra. Ele era um exemplo de mansidão aqui na igreja, uma pessoa que era pontual, de um comprometimento enorme. Ele tocava no grupo familiar e lutou por muito tempo com o seu problema nos rins, até que o Senhor o tomou. Uma outra pessoa que fez a diferença foi as irmãs Marias de Eldorado, elas eram da nossa congregação e se tinha algo na igreja, já vinham lá as duas Marias, cabelinho branco mas sempre aqui com aquele sorriso no rosto. Temos mais pessoas importantes, mas vale a esperança de um dia encontrá-los na gloria.

Esperamos ter conseguido mostrar neste pequeno relato um pouco da historia de nossa igreja.

Deus abençoe

Matéria: Ester Eliene
Postado dia 09/01/2011

2014 Igreja Vida Plena - Todos os Direitos Reservados
2 online 11126 Visitas